0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Estar em um relacionamento tóxico é sempre uma situação muito difícil. Muitas vezes eles incluem uma dependência emocional, já que você ama a pessoa, mesmo que ela te faça mal. Nessas situações, é comum se perguntar: “como sair de um relacionamento tóxico”?

Quem nunca esteve ou presenciou uma relação desse tipo pode achar que sair dela é algo simples e fácil de fazer. Mas este é um engano. De fato, muitas vítimas nem percebem que estão em uma relação abusiva, fazendo com que sair dela seja ainda mais difícil.

E aproveitando que vamos falar de uma situação tratável com hipnoterapia, que tal participar de um evento 100% gratuito e focado em mostrar a você a profissão do futuro? Porque sim, é possível faturar um ótimo salário e ainda estar conectado com o seu propósito! Se interessou?

Se você veio aqui procurar ajuda e descobrir como sair de um relacionamento tóxico, continue a leitura. Vamos fazer o possível para te ajudar.

Neste texto você vai ver:

Siga lendo!

O que é um relacionamento tóxico?

Antes de entender como sair de um relacionamento tóxico, é importante definir o que realmente é este tipo prejudicial de relação.

Segundo a Dra. Lillian Glass, especialista norte-americana em comunicação e psicologia, criadora do termo “pessoas tóxicas”, um relacionamento tóxico é: “qualquer relacionamento entre pessoas que não apoiam umas às outras, onde há conflito e um procura minar o outro, onde há competição e onde há desrespeito”.

É claro que nenhum relacionamento é perfeito e todas as relações passam por altos e baixos. No entanto, um relacionamento tóxico é aquele em que os momentos ruins são muito mais frequentes do que os bons.

Nesses casos, a relação se torna danosa à saúde física, mental e emocional de uma ou das duas pessoas envolvidas.

É importante lembrar que os relacionamentos tóxicos não precisam ser românticos. Como você pode conferir neste outro artigo, relacionamentos entre amigos, família e trabalho também podem ser tóxicos.

Como sair de um relacionamento tóxico? O Experiência OMNI vai te ajudar!

Sinais de que você está em um relacionamento tóxico

Muitas pessoas que machucam as outras fazem isso por um motivo, quase sempre escondido no subconsciente. Muitas vezes elas fazem isso porque elas mesmas viveram um relacionamento tóxico quando crianças, ou não tiveram amor durante a infância.

Em outros casos, essas pessoas podem sofrer de alguma doença mental, como depressão, transtorno bipolar ou ansiedade, que se manifestam de maneiras abusivas e tóxicas.

Seja qual for a situação, preocupe-se sempre com a sua saúde mental primeiro! Não deixe que o abuso continue e cuide antes de você. Combinado?

Então vamos ver alguns sinais de um relacionamento tóxico:

Comunicação tóxica

Em vez de tratar um ao outro com carinho e atenção, as conversas com uma pessoa tóxica são repletas de sarcasmo, criticismo ou hostilidade. Muitas vezes você acaba preferindo ficar em silêncio a tentar conversar.

Ciúmes em excesso

Há quem diga que um pouco de ciúme faz bem. E mesmo se você concorde ou não com essa afirmação, uma coisa é fato: ciúmes em excesso pode ser um forte sinal de um relacionamento tóxico.

Isso porque o ciúme indica falta de confiança e, muitas vezes, pode levar a uma necessidade de controlar constantemente a outra pessoa.

Perda de relacionamentos

Especialmente em casos de muito ciúmes e controle, você pode perceber que parou de passar tempo com sua família e amigos, seja para evitar conflitos com seu parceiro ou porque prefere evitar a fadiga de ter que se explicar.

Tratamento de silêncio

Só porque vocês brigam ou discutem não significa que estão em um relacionamento tóxico. Frequentemente são nas brigas que descobrimos os limites do outro e tomamos decisões importantes para a relação.

No entanto, se o seu parceiro se fecha toda vez que você tenta conversar sobre algum incômodo, é bom tomar cuidado. Relações saudáveis devem estar abertas ao diálogo. Se o seu parceiro não quer conversar, te ignora ou até mesmo sai do cômodo para não falar nada, este é um forte sinal de toxicidade.

Estes são apenas alguns dos sinais de que você pode estar em um relacionamento tóxico. Leia este artigo para descobrir 12 sinais.

Como sair de um relacionamento sério? Assine nossa newsletter para receber as melhores notícias e conteúdos na sua caixa de entrada

Como sair de um relacionamento tóxico?

Quando você quer saber como sair de um relacionamento tóxico, pode perceber que é mais difícil do que parece. Muitas vezes você está muito motivado a deixar a relação, mas acaba desistindo por ainda amar a pessoa, ou por ser dependente dela.

Por isso, é importante ter um sistema de apoio e encontrar maneiras de aumentar sua autoestima. Em outros casos, a terapia é fundamental para ter ainda mais apoio na sua decisão.

Então veja 5 dicas de como sair de um relacionamento tóxico:

1. Construa um sistema de apoio

Terminar um relacionamento tóxico traz sentimentos parecidos com o término de um relacionamento saudável. Você vai se sentir triste, em conflito, com saudades, aliviado, deprimido, entre outras emoções.

Sair de um relacionamento tóxico é ainda mais desafiador se você depende financeiramente do seu ex. Por isso, é fundamental que você tenha um sistema de apoio, como sua família ou amigos, que te deem todo o suporte necessário para sair da relação.

Além disso, uma pesquisa da Universidade de Rochester revelou que o apoio de família e amigos em momentos difíceis diminui o sofrimento psicológico.

2. Permaneça firme na decisão

Se você chegou ao ponto de querer saber como sair de um relacionamento tóxico, quer dizer que a relação já está quebrada. É provável que você já tentou muitas coisas para que o relacionamento desse certo. Conversou com seu parceiro, tentou fazer com que ele ou ela mudasse seus hábitos, mas sem sucesso.

Nesses casos, lembre-se sempre: a culpa não é sua. Não é sua responsabilidade fazer com que as outras pessoas mudem. Afinal, se uma pessoa é abusiva, dificilmente vai mudar.

E, mesmo que seu ex abusivo ou tóxico mude de comportamento, é provável que só esteja fazendo isso para manter você na relação. Se voltarem a ficar juntos, as chances de ele ou ela voltar aos comportamentos tóxicos são muito altas.

Por isso, seja firme na sua decisão.

3. Corte todo o contato

Assim que terminar uma relação abusiva, corte todo o contato com seu ex. Continuar em contato com ele ou ela abre a porta para que vocês voltem a ficar juntos. Além disso, pessoas tóxicas costumam ser manipuladoras e usam chantagem emocional para trazer você de volta.

Isso também é válido para as redes sociais. Assim que possível, bloqueie seu ex e evite ao máximo falar com ele online ou presencialmente. Dessa forma, você define um limite e está deixando claro que não vai mais tolerar os abusos.

4. Pratique o autocuidado

Pratique o autocuidado cercando-se de positividade. Passe tempo com pessoas que fazem você se sentir bem, se dê um mimo comendo aquela comida que você ama, faça exercícios ou qualquer outra coisa que faça você sorrir e sentir-se bem.

Se você saiu ou vai sair de um relacionamento tóxico, é importante saber que o processo leva tempo e você precisa de cura. Afinal, estar em um relacionamento tóxico é estressante e muito prejudicial, por isso cuide de si mesmo quando tomar a decisão de sair da relação.

5. Procure ajuda profissional

Nem sempre é fácil sair de um relacionamento tóxico sem ajuda profissional. Por isso, peça ajuda a amigos, familiares ou um terapeuta para conversar, pedir apoio ou simplesmente desabafar.

Além disso, a hipnoterapia é uma excelente saída para se livrar de um relacionamento tóxico e lidar com os sentimentos ruins e os traumas que a relação pode ter deixado em você.

A hipnoterapia é o uso da hipnose para fins terapêuticos. Na prática, um profissional capacitado induz o paciente a um estado de transe para sugerir mudanças de hábitos, novos comportamentos saudáveis, tratando fobias, resolvendo conflitos, aumentando a autoestima, entre outros benefícios incríveis.

Tudo de maneira rápida, eficaz e muito segura!

Que tal agora conhecer a profissão do futuro? Estamos falando da hipnoterapia! Com um mercado em constante ascensão, ainda existem poucos hipnoterapeutas no mercado, embora mais de 300 milhões de pessoas sofram com depressão e outros transtornos emocionais.

Isso significa que existem milhões de pessoas no Brasil precisando de ajuda, de alguém que possa tratá-los. E você pode ser um agente transformador de vidas, tudo isso muito alinhado com o seu propósito!

Quer saber mais sobre como você pode faturar mais de R$ 20,000 por mês e ainda ajudar milhares de pessoas?

Então você precisa participar do evento Profissão do Futuro! Será um evento 100% gratuito onde o Maurício Figueira, Head de Growth e hipnoterapeuta OMNI Brasil, vai te contar tudo sobre como você pode se tornar um hipnoterapeuta e faturar muito fazendo aquilo que você ama, tudo alinhado com a sua missão!

Participe! É só clicar no banner abaixo:

8
0
Would love your thoughts, please comment.x
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×